Eletricista eletrocutado no centro comercial de Bragança

Vítima, de 60 anos, estaria a fazer manutenção do quadro elétrico do centro comercial

Um eletricista ficou hoje gravemente ferido quando fazia a manutenção do quadro elétrico do centro comercial de Bragança, informaram os bombeiros de Bragança, que acorreram ao acidente.

O segundo comandante da corporação, Carlos Martins, disse à Lusa que a vítima de 60 anos apresentava queimaduras no tronco, braços e na cabeça e foi encaminhada para o hospital de Bragança.

O eletricista é de Bragança e estaria aos serviço de uma empresa local a fazer a manutenção do quadro elétrico do Shopping, ainda antes da abertura daquele espaço comercial ao público.

O alerta foi dado às 08:54 e ao local acorreram nove elementos dos bombeiros de Bragança com duas viaturas, assim como a VMER (Viatura Médica e Emergência e Reanimação), indicou Carlos Martins.

A vítima foi eletrocutada e deverá ser transferida para uma unidade de queimados no litoral, conforme o procedimento habitual nestes casos, como disse o segundo comandante dos bombeiros de Bragança.

Carlos Martins explicou ainda que o acidente deixou momentaneamente sem eletricidade parte do centro comercial, que está, contudo a funcionar normalmente.

Este é o terceiro acidente do género, em pouco mais de uma década, naquele espaço comercial com técnicos de empresas locais que prestam serviços à EDP.

Em junho de 2005, um eletricista da empresa Ribeiro e Gonçalves acabou por morrer depois da explosão do quadro de eletricidade, em que estava a trabalhar.

A Inspeção do Trabalho responsabilizou a EDP pelo acidente e a empresa de Bragança à qual concessionou o serviço.

O inquérito concluiu por falta de segurança nas condições de trabalho que vitimaram o eletricista de 37 anos.

Quatro meses depois, outros dois eletricistas foram eletrocutados nas mesmas circunstâncias e no mesmo local.

As vítimas sofreram apenas queimaduras ligeiras na parte inferior da face, pescoço e num punho e tiveram alta depois de assistidas no hospital distrital de Bragança.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG