Três feridos em descarrilamento de comboio em Contenças, Mangualde

A primeira carruagem do comboio que fazia a ligação entre Mangualde e Guarda descarrilou junto ao apeadeiro de Contenças. O motivo terá sido uma barreira colocada junto à via que caiu

Dentro do comboio seguiam 12 pessoas. Para o apeadeiro de Contenças, Mangualde, seguiram 13 veículos dos bombeiros e 42 operacionais para assegurar as operações de socorro. O CDOS de Viseu adiantou ainda ao DN que havia três feridos, o que foi confirmado a Lusa pelo diretor do Gabinete de Investigação de Segurança e de Acidentes Ferroviários (GISAF), Nelson Oliveira. Os feridos ligeiros são o revisor, o maquinista e um passageiro.

O descarrilamento terá sido causado por uma barreira colocada junto à via, que caiu à linha férrea, em resultado do mau tempo que se faz hoje sentir, confirmou o diretor do GISAF. Elementos do gabinete já estão a caminho do local para se inteirarem da situação e verificarem se há motivos para a abertura de uma investigação.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG