De Londres a Nova Iorque em 30 minutos. Avião supersónico já tem... design

O desenho está feito mas da teoria à prática podem passar décadas

Há 12 anos que se procura o sucessor do Concorde. Desde que o famoso avião, orgulho de França e Inglaterra, recebeu ordens para ficar em terra em 2003 - três anos depois do acidente que matou 113 pessoas -, que se tem esperado pelo próximo avião supersónico. E projetos não faltam. Agora surge o Skreemr, que promete transportar até 75 pessoas e ligar Londres a Nova Iorque em apenas 30 minutos.

O design deste avião pertence a Charles Bombardier, que se dedica a criar meios de transportes futuristas. O Skreemr poderá, em teoria, atingir velocidades de Mach 10 (Mach 1 é quando se iguala a velocidade do som). Mas, para já, o Skreemr não passa mesmo de uma teoria. Segundo Bombardier, citado pela CNN, "talvez num futuro distante seja possível transportar passageiros a uma velocidade muito alta".

Para tornar realidade o Skreemr seria necessário ultrapassar alguns obstáculos. O calor é um deles - a CNN escreve que são poucos os materiais que suportam temperaturas superiores a 980 graus (o equivalente a Mach 5). Depois há a questão do barulho. O avião supersónico estaria limitado a sobrevoar zonas desabitadas. E há ainda a questão financeira: o custo de um avião deste tipo poderá ser complicado para uma companhia aérea, como, aliás, se comprovou com o Concorde.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG