Cinco casos de sarampo em Portugal só este ano

Direção-Geral de Saúde está a investigar origem da doença e apela à vacinação

Portugal regista desde o início do ano cinco casos de sarampo, estando a sua origem a ser investigada, disse hoje à Lusa fonte da Direção-Geral da Saúde (DGS).

De acordo com Teresa Fernandes, da Direção de Serviços de Prevenção da Doença e Promoção da Saúde da DGS, um dos casos situa-se no norte e quatro no Algarve, estes últimos detetados no mês de março.

A mesma fonte adiantou que um dos casos teve origem na Venezuela, estando a origem dos outros ainda a ser investigada.

A evolução dos doentes, maioritariamente crianças que ainda não tinham sido vacinadas contra o sarampo, está a ser positiva.

Teresa Fernandes reiterou a necessidade das crianças e adultos serem vacinados nos prazos previstos do Plano Nacional de Vacinação.

"Não deve haver atrasos na vacinação. A primeira dose é aos 12 meses e tem de ser administrada aos 12 meses. A segunda dose é aos cinco anos e é aos cinco anos que deve ser administrada", afirmou.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG