Marinha inicia diligências sobre "alegados comportamentos abusivos" entre cadetes da Escola Naval

A agência Lusa contactou a Marinha, que não quis adiantar mais informações e remeteu para um eventual novo comunicado sobre a questão.

Lusa

A Marinha divulgou ter tido conhecimento de uma denúncia sobre "alegados comportamentos abusivos" praticados entre cadetes da Escola Naval, tendo iniciado diligências para averiguar a "veracidade dos factos relatados e eventuais responsabilidades".

"A Marinha informa que hoje, 19 de outubro, teve conhecimento de uma denúncia sobre alegados comportamentos abusivos praticados entre cadetes da Escola Naval", lê-se numa nota publicada na terça-feira à noite no 'site' da Marinha.

O ramo adianta ainda que "não recebeu diretamente qualquer denúncia relativamente ao alegado comportamento entre cadetes", contudo, atendendo à situação, "iniciou as diligências internas para averiguar e apurar a veracidade dos factos relatados e eventuais responsabilidades".

A agência Lusa contactou a Marinha, que não quis adiantar mais informações e remeteu para um eventual novo comunicado sobre a questão.