Usar telemóvel, fugir da sala ou copiar dão exame anulado

Se um aluno for apanhado com telemóvel ou ipod, mesmo que esteja desligado, pode ter o exame anulado.

Esta é uma nova regra imposta pelo Júri Nacional de Exames (JNE), que pretende evitar copianços e fraudes. E também criar condições de tranquilidade durante a realização das provas. Os exames nacionais do básico e do secundário começam amanhã, com o Português. No total da primeira fase serão 259. 104 jovens a prestar provas, do 9º ao 12º anos.

Leia mais pormenores no e-paper do DN.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG