Um morto e sete feridos em incêndio num prédio da Amadora

Uma criança de 15 dias e outra de dois anos entre os feridos ligeiros, por inalação de fumos

Um incêndio no primeiro andar de um prédio de três pisos na Falagueira, Amadora, provocou hoje a morte de uma mulher e ferimentos em sete pessoas, duas delas crianças, confirmou ao DN fonte da Autoridade Nacional da Proteção Civil.

O comandante dos bombeiros da Amadora, Mário Conde, avançou que a vítima mortal era uma senhora de 80 anos, que se encontrava acamada. Não chegou a ser transportada para o hospital, tendo sido declarada cadáver no local.

Duas crianças, uma com 15 dias e outra com dois anos, receberam assistência no local devido à inalação de fumos, mas até ao momento (17:30) não houve indicação médica para serem hospitalizadas.

Outras duas pessoas foram encaminhadas para o hospital Amadora-Sintra, também devido à inalação de fumos.

O comandante Mário Conde esclareceu que o incêndio se deu no primeiro andar esquerdo do prédio, onde morava a idosa que veio a morrer e as duas pessoas hospitalizadas. As duas crianças moram no primeiro andar direito.

O alerta foi dado às 15:40, tendo-se deslocado para o local 23 operacionais e oito viaturas. Uma hora e meia depois, o incêndio estava já em fase de rescaldo.

(Notícia atualizada às 17:30 com informações dos bombeiros)

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG