Só 38% dos adultos completaram secundário

Apenas 38% dos adultos portugueses completaram o ensino secundário, uma percentagem muito abaixo da média da OCDE, que é de 75%.

A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) nota que os esforço do país para melhorar o nível de qualificação da população adulta mostram "resultados encorajadores", já que a proporção de adultos sem o secundário caiu vinte pontos percentuais desde 2000. Ainda assim, com 62%, é a terceira percentagem mais alta da OCDE, logo atrás do México e da Turquia.

A enorme diferença em relação à média da OCDE explica-se pelo facto de oito em cada dez pessoas entre os 55 e os 64 anos não terem concluído o ensino secundário, quando nos outros países apenas um terço não atingiu esse nível de ensino.

Por outro lado, a percentagem de jovens adultos com um curso superior passou de 15% para 28%. Se o país conseguir manter o atual ritmo de licenciaturas é de esperar que se chegue aos 41%, em linha com os outros países da OCDE, diz o relatório "Education at a Glance".

Exclusivos