Chegou o verão. Temperaturas vão até aos 40 graus

De acordo com o IPMA, sete distritos estão com aviso amarelo devido ao calor

Sete distritos de Portugal continental estão esta segunda-feira sob aviso amarelo devido ao tempo quente, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com o IPMA, os distritos de Braga, Porto, Leiria, Portalegre, Évora, Setúbal e Beja estão sob aviso amarelo desde as 05:00 de hoje e até às 21:00 de terça-feira devido à persistência de valores elevados da temperatura máxima.

O aviso amarelo é o terceiro mais grave de quatro níveis (vermelho, laranja, amarelo e verde).

O IPMA prevê para hoje no continente céu pouco nublado ou limpo, apresentando períodos de maior nebulosidade na região Sul a partir da tarde.

Está também previsto vento fraco a moderado do quadrante leste, tornando-se do quadrante oeste na região Sul a partir da tarde, e sendo moderado de noroeste na faixa costeira a norte do Cabo Raso durante a tarde.

Nas terras altas, o vento soprará fraco a moderado do quadrante leste, sendo moderado a forte até ao final da manhã e a partir do final da tarde.

A previsão aponta ainda para pequena subida da temperatura mínima e subida da máxima no litoral oeste.

As temperaturas mínimas vão variar entre os 15 (em Bragança) e os 24 (em Portalegre) e as máximas entre os 29 graus (Viana do Castelo, Porto e Braga) e os 40 (em Santarém).

Risco de exposição UV

A região da Guarda apresenta hoje risco extremo de exposição à radiação ultravioleta (UV) e o resto do país está com níveis muito elevados, segundo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

A Guarda está hoje em risco extremo de exposição à radiação UV, segundo o IPMA, que recomenda que se evite o mais possível a exposição ao sol.

As restantes regiões do continente e os arquipélagos dos Açores e Madeira apresentam hoje níveis muito elevados de exposição à radiação UV, com exceção da ilha do Porto Santo, que está em risco moderado.

Para as regiões com risco muito elevado e elevado, o IPMA recomenda o uso de óculos de sol com filtro UV, chapéu, 't-shirt', guarda-sol e protetor solar, além de desaconselhar a exposição das crianças ao sol.

Os índices UV variam entre 1 e 2, em que o risco de exposição à radiação UV é baixo, 3 a 5 (moderado), 6 a 7 (elevado), 8 a 10 (muito elevado) e superior a 11 (extremo).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG