PS à direita chumba reversão de leis laborais

Socialistas chumbaram ou abstiveram-se nas iniciativas legislativas do PCP, BE e PEV. Projeto do BE, sobre banco de horas individual e adaptabilidade individual, baixa à especialidade sem votação

Os socialistas chumbaram ou abstiveram-se nas iniciativas legislativas do PCP, BE e PEV para reverter vários pontos da legislação laboral, que foram esta quarta-feira à tarde a debate na Assembleia da República.

Apesar do desafio à sua esquerda, sobre de que lado estaria a bancada socialista, o PS apenas admitiu que um projeto do BE, sobre o banco de horas individual e adaptabilidade individual, baixasse à especialidade sem votação.

No final da votação, o socialista Tiago Barbosa Ribeiro sublinhou numa declaração de voto oral que, nos projetos em que se absteve (nomeadamente sobre bancos de horas), o PS considera que é extemporâneo este debate, porque no dia 23 haverá uma reunião de concertação social em que serão discutidas estas questões.

Exclusivos

Premium

Nuno Severiano Teixeira

"O soldado Milhões é um símbolo da capacidade heroica" portuguesa

Entrevista a Nuno Severiano Teixeira, professor catedrático na Universidade Nova de Lisboa e antigo ministro da Defesa. O autor de The Portuguese at War, um livro agora editado exclusivamente em Inglaterra a pedido da Sussex Academic Press, fala da história militar do país e da evolução tremenda das nossas Forças Armadas desde a chegada da democracia.

Premium

Ferreira Fernandes

A angústia de um espanhol no momento do referendo

Fernando Rosales, vou começar a inventá-lo, nasceu em Saucelle, numa margem do rio Douro. Se fosse na outra, seria português. Assim, é espanhol. Prossigo a invenção, verdadeira: era garoto, os seus pais levaram-no de férias a Barcelona. Foram ver um parque. Logo ficou com um daqueles nomes que se transformam no trenó Rosebud das nossas vidas: Parque Güell. Na verdade, saberia só mais tarde, era Barcelona, toda ela.