Nova administração da CGD inicia funções dia 1

O ministério das Finanças anunciou há momentos que o Banco Central Europeu (BCE) "concluiu hoje o processo de avaliação da idoneidade" da nova administração da Caixa Geral de Depósitos.

A nova administração entrará em funções dia 1 de fevereiro e será composta por Rui Vilar (presidente do Conselho de Administração), Paulo Macedo (presidente da Comissão Executiva) e
Francisco Cary, João Tudela Martins, José de Brito, José João Guilherme, Maria João Carioca e Nuno de Carvalho Martins (membros da Comissão Executiva).

Segundo a nota das Finanças, serão agora submetidos ao BCE, para efeitos do mesmo "processo de avaliação de idoneidade e adequação", os administradores não executivos.

Há quase um mês que a CGD está sem presidente executivo. António Domingues demitiu-se e determinou que a demissão teria efeitos a partir de 31 de dezembro, recusando o pedido do Governo para prorrogar o mandato.

Ministro da Saúde do Governo PSD/CDS (2011-2015) e, antes disso, diretor-geral dos Impostos, Paulo Macedo foi o escolhido pelo Governo para suceder a Domingues.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG