MP acusa homem de abusar sexualmente da filha da companheira

O Ministério Público (MP) acusou um homem de, durante cerca de um ano, abusar sexualmente da filha da sua companheira, de 14 anos, em Vila Nova de Gaia

O arguido, obrigado por medida de coação a permanecer na habitação e a não contactar com a criança, a mãe e a avó materna desta, está acusado de quatro crimes de abuso sexual de crianças agravado, referiu a Procuradoria-Geral Distrital (PGD) do Porto.

De acordo com a acusação, citada na página da PGD do Porto, o arguido manteve contactos sexuais com a filha da companheira, de 14 anos, na casa onde viviam todos, em Vila Nova de Gaia, entre dezembro de 2016 e junho de 2017.

Além disso, o MP considerou que o homem, aproveitando-se dos momentos em que ficava a sós com a criança, que o via e tratava como pai, beijava-a e tocava-lhe o corpo com as mãos, nomeadamente os genitais.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG