Montenegro afirma que António Costa é o Tsipras português

Líder parlamentar do PSD afirmou que o líder do governo "syrizou-se". "Governar não é geringonçar, isso é poucochinho", acrescentou

O líder parlamentar do PSD, Luís Montenegro, refez hoje uma frase sua, dizendo que neste momento "o país está pior e vida das pessoas está pior". Para Luís Montenegro, "o PS syrizou-se" e definiu António Costa como um "Tsipras português", mas com diferenças: "Este é o contrário do original porque nunca ganhou eleições, e porque o outro aliou-se à extrema direita e este à extrema esquerda".

O líder da bancada social-democrata diz que o primeiro-ministro se apresenta "babado" porque a geringonça funcionou, admitindo que "a geringonça está de facto a funcionar", mas "traz a Portugal um problema maior: que são as consequências que traz ao país esta geringonça."

Para Montenegro, "governar não é geringonçar, isso é poucochinho. Governar não é sobreviver, isso é poucochinho. Governar é ter resultados."

No caso da Caixa Geral de Depósitos, Montenegro acusa o governo de se comportar como "pirómano", ao "veicular informações para a comunicação soicial", quando é preciso uma "reunião com sindicatos para sabermos que vai haver um despedimento de 2500 pessoas".

Luís Montenegro disse ainda que "este é governo mais estatizante desde o PREC" e que "o PS não deitou o muro abaixo, saltou o muro para o lado de lá, e tem de o assumir."

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG