Assis diz que demissão da ministra é "inevitável"

O eurodeputado do PS considera que a "reação política" aos incêndios "foi completamente desastrosa" e que a demissão da ministra da Administração Interna é "inevitável".

Em declarações à Rádio Renascença, Francisco Assis afirmou que a ministra tem de "transmitir tranquilidade e segurança", algo que, neste momento está "completamente abalado". Daí que entenda, demorando "mais ou menos tempo", Constança Urbano de Sousa vai demitir-se.

Sobre o relatório da comissão independente sobre Pedrogão, o eurodeputado socialista sublinhou que é um documento muito crítico, são críticas estruturais". Para Assis "têm de ser extraídas conclusões, há reformas profundas a fazer, que exigem um consenso vasto no país". E no imediato, disse que "há decisões de caráter político mais imediato que terão de ser tomadas".

Exclusivos