Governo candidata o Porto à Agência Europeia do Medicamento

Conselho de Ministros anuncia hoje a decisão, depois de numa primeira fase Lisboa ter sido a única candidata nacional.

O governo vai candidatar o Porto para receber a sede da Agência Europeia do Medicamento. Depois de um processo atribulado, em que Lisboa começou por ser a única a concurso - tendo merecido uma aprovação unânime na Assembleia da República -, o que gerou críticas de outras regiões e da oposição parlamentar e levou o executivo a reabrir o processo, o Conselho de Ministros anuncia hoje o Porto como a cidade escolhida.

A decisão surge menos de um mês depois de ter sido anunciada pelo Ministério da Saúde uma renovada comissão de candidatura, já com dois elementos escolhidos pela autarquia dirigida por Rui Moreira, encarregue de formular uma proposta ao Governo. As candidaturas para a nova sede da Agência, que vai sair de Londres na sequência do Brexit, têm de ser apresentadas até final de julho, sendo a decisão final dos Estados Membros conhecida mais para o final do ano.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG