Cães da GNR ajudaram a encontrar mulher desaparecida

A Guarda Nacional Republicana (GNR) localizou a mulher que tinha sido dada como desaparecida no concelho de Póvoa do Lanhoso, que foi hospitalizada para apurar as condições do seu estado de saúde

Uma mulher foi dada como desaparecida no concelho de Póvoa do Lanhoso, com a GNR a reforçar as buscas com equipas de cães. A GNR já localizou a mulher, que foi hospitalizada, segundo disse à Lusa fonte do Comando Geral.

O desaparecimento da mulher foi avançado pela imprensa local, pelo Semanário V e pelo Diário do Minho. Ambos referem que a mulher tem nacionalidade estrangeira e que terá desaparecido hoje, em zona rural, na Fonte da Arcada, concelho de Póvoa do Lanhoso.

De acordo com o Semanário V, no local estiveram 16 operacionais - entre bombeiros e GNR. Já o Diário do Minho sublinhou que as buscas decorreram igualmente na freguesia de Taíde.

Para já, desconhece-se a idade da mulher desaparecida.

O Comando Geral da GNR em Lisboa confirmou as buscas e acrescentou que estas foram reforçadas com equipas de militares com cães (unidades cinotécnicas).

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG