Ex-ministra Maria de Lurdes Rodrigues avança com candidatura à reitoria

O processo de eleição, pelo Conselho Geral, decorrerá nas primeiras semanas de fevereiro

A ex-ministra da Educação Maria de Lurdes Rodrigues anunciou na quinta-feira que apresentou a sua candidatura à reitoria do ISCTE para o mandato 2018-2022, afirmando que a instituição nunca foi liderada por uma mulher.

"O prestígio do ISCTE-IUL suscitou, certamente, a apresentação de outras candidaturas. A pluralidade de candidatos, com diferentes visões e motivações, torna mais rico o processo democrático de eleição do próximo reitor e constitui uma demonstração da vitalidade da instituição", refere, numa mensagem publicada nas redes sociais.

Segundo o semanário Sol, outro candidato será Nuno Guimarães, atual vice-reitor, e que foi presidente da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa.

Maria de Lurdes Rodrigues, anunciou na quinta-feira, o último dia para apresentar candidaturas, que vai avançar para a reitoria do ISCTE-IUL, Instituto Universitário de Lisboa.

"Em toda sua história, nunca o ISCTE-IUL foi presidido por mulheres e, nos últimos 12 anos, nenhuma mulher ocupou os cargos de Reitora, de Vice-Reitora ou de Presidente do Conselho Científico, do Conselho de Curadores ou do Conselho Geral. Procuro pois, também, com esta candidatura, dar uma oportunidade à promoção da igualdade de género", defendeu na mensagem.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG