Eleições na maçonaria deverão ter segunda volta

Contados os votos de 70 lojas, nenhum dos três candidatos obteve mais de 50% dos votos.

As eleições para Grão Mestre do Grande Oriente Lusitano, a maior obediência maçónica em Portugal, deverão passar por uma segunda volta.

Segundo informações recolhidas pelo DN, Fernando Lima obteve 37% dos votos, José Adelino Maltez 33% e Daniel Madeira de Castro com 30%.

As eleições para Grão Mestre do GOL decorrem entre este sábado e amanhã, domingo. Caso os números se mantenham, e nenhum dos candidatos obtenha mais de 50% dos votos, haverá uma segunda volta no dia 24 de junho.

Exclusivos