Conta de emergência para danos dos incêndios. Candidaturas a partir de dia 1

Ministério da Administração Interna informa que o período de candidatura à conta de emergência do MAI decorre de 1 a 9 de setembro. Serve para cobrir danos provocados por incêndios rurais

O comunicado do Ministério da Administração Interna esclarece que decorre de 1 a 9 de Setembro o período para a entrega de candidaturas à Conta de Emergência do MAI ,ativada, no passado dia 23 de agosto, para fazer face aos danos provocados pelos incêndios rurais, nomeadamente a destruição das pastagens destinadas à alimentação de bovinos, ovinos, caprinos e equídeos.

O Edital, que inclui toda a informação necessária aos potenciais beneficiários deste mecanismo, já está disponível nas autarquias, juntas de freguesia, serviços municipais de proteção civil e organismos tutelados pelo Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, dos distritos de Aveiro, Braga, Guarda, Porto, Viana do Castelo e Viseu.

Segundo consta deste Edital, para efeitos de atribuição de apoios, é elegível a destruição dos pastos usados na alimentação dos animais das espécies bovina, ovina, caprina e equídeos, em unidades de exploração económica que se localizem nas freguesias da área afetada, identificadas no Aviso, cuja área ardida corresponde a 30 por cento ou mais da sua área total.

Refira-se que não estão abrangidas pela Conta de Emergência do MAI as despesas relativas a danos que sejam cobertos por quaisquer outras entidades públicas e por contratos de seguro.

O montante global dos apoios a conceder tem o limite de 500.000,00 (quinhentos mil euros).
Os apoios serão concedidos em função do número de animais que carecem de alimentação, registados em nome dos respetivos produtores.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG