Carlos Carreiras vai ser o coordenador autárquico do PSD

O presidente da Câmara de Cascais será o responsável pela preparação das eleições autárquicas, o principal desafio do partido no próximo ano

O vice-presidente do PSD Carlos Carreiras foi o homem escolhido por Passos Coelho para coordenar as autárquicas de 2017. Deste congresso sairá uma comissão autárquica que vai começar a preparar a escolha de candidatos.

Entretanto, Passos Coelho já falou com atuais vice-presidentes como Carlos Carreiras e Matos Correia, sobre a futura futura direção nacional, mas ambos disseram ao DN que compete ao presidente do partido anunciar se continuam ou não no órgão de cúpula do partido.

Entretanto, o líder do PSD conseguiu que a típica lista da JSD ao Conselho Nacional não avançasse. Passos Coelho, mandatado pelo seu diretor de campanha nas diretas, José Cesário, cedeu lugares à "jota" na lista que apoiará, perspetivando-se assim uma votação mais bem-sucedida.

Também o conselheiro nacional e ex-presidente da distrital do PSD de Setúbal, Luís Rodrigues, disse ao DN que vai "ser cabeça de lista numa lista ao Conselho Nacional, como faço há três congressos". Esta, diz Luís Rodrigues, "é uma lista alargada em termos geográficos"e que garante conselheiros "participativos" no órgão máximo entre congressos.

Luís Rodrigues recusa o rótulo de "não-alinhado", mas admite que irá sempre dar a sua opinião não concertada com a da direção. "Como sempre fiz", atira.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG