Marcelo diz que não comenta Operação Marquês, mas "que a Justiça seja rápida"

Presidente da República afirmou este sábado respeitar a decisão dos tribunais, "em especial as decisões definitivas" dos mesmos.

Marcelo Rebelo de Sousa não quis este sábado comentar a decisão de Ivo Rosa, no fim da fase instrutória da Operação Marquês, mas acabou por deixar alguns comentários relativamente à Justiça.

"Respeito a decisão dos tribunais, em particular as decisões definitivas dos tribunais", disse o Presidente da República, à margem de uma visita a Azeitão, fazendo questão de relembrar que, no fim do mandato anterior, dissera que "gostaria que o maior número de processos vindos do passado pudessem ter uma conclusão".

" Eu sei que o tempo da justiça é o tempo da justiça, mas todos apreciamos que a Justiça seja rápida", reforçou, citado pela TVI24.

"Até ao final deste mandato, gostaria que os portugueses ficassem com a sensação que os processos têm um fim visível em tempo devido. Mas agora isso não compete ao Presidente da República estar a concretizar, aplicando ao processo A, B ou C."

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG