Taylor Swift ameaça processar Kanye West

Depois de Kim Kardashian divulgar o vídeo da conversa telefónica entre Kanye West e Taylor Swift, a cantora quer processar o rapper norte-americano por ter gravado a conversa

Taylor Swift quer processar Kim Kardashian e Kanye West por terem gravado a conversa telefónica - que a cantora disse que nunca tinha acontecido até Kim divulgar o vídeo - em que Taylor toma conhecimento e aprova alguns versos da música Famous do rapper.

Segundo o TMZ, os advogados de Taylor Swift ameaçaram processar Kanye e colocam a possibilidade de fazer queixa à polícia. Isto porque, no estado da Califórnia, é proibido gravar conversas telefónicas privadas quando a outra pessoa não sabe que está sob escuta.

Infelizmente para Taylor Swift, este não é o caso, visto que a conversa estava em alta voz e, ainda segundo o TMZ, a cantora sabia que estava a ser ouvida por outras pessoas que estavam na sala, incluindo Rick Rubin, o produtor de Kanye West. Ou seja, a gravação da conversa entre os cantores é legal e Taylor e os seus advogados não têm, teoricamente, como incriminar Kanye.

Esta notícia vem no seguimento da polémica que a nova música de Kanye West gerou e onde surgem os versos: "I feel like me and Taylor might still have sex/ Why? I made that bitch famous". Em português: "acho que eu e a Taylor ainda vamos fazer sexo / Porquê? Eu tornei aquela cabra famosa".

A estrela feminina norte-americana emitiu um comunicado que afirmava que se sentia humilhada com os versos da música e que não tinha tomado conhecimento da letra.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG