Os looks da princesa Letizia em Portugal

Repetiu casacos e tops, usou roupa de marcas espanholas e mostrou os desenhos do seu designer preferido, Felipe Varela.

Os mais atentos repararam imediatamente no casaco que D. Letiizia usou quando chegou a Portugal - o mesmo que tinha envergado na última visita ao Papa Bento XVI, em agosto de 2011, da autoria de Felipe Varela.

O jornal espanhol ABC não identifica a proveniência da saia e do top rosa choque, a carteira (que usou ao ombro) é de uma das marcas espanholas mais económicas e uma das que Letizia Ortiz Rocasolano mais privilegia nas suas aparições públicas, a Mango. Os sapatos eram peep toes de que a princesa tanto gosta, em tom nude (a cor em voga).

O segundo visual - calças claras com twin set azul turquesa - era também uma repetição. O bolero e o top foram usados em 2006. A carteira de mão era Malababa, os sapatos de outra marca espanhola, a luxuosa Magrit, que a princesa tem usado em várias ocasiões (no casamento de William e Kate de Inglaterra, por exemplo).

No segundo dia da visita oficial a Portugal, ao Laboratório de Nanotecnologia, em Braga, a princesa Letizia escolheu um conjunto de blaser e calças em tom azul marinho de Felipe Varela combinado com uma camisa branca bordada. Nos pés, como sempre, uns peep toes. A clutch XL era de Adolfo Domínguez, uma empresa que enfrenta sérios problemas económicos atualmente.

O mesmo designer de moda assinou o vestido de renda, preto, com que a princesa entrou no Palácio de Queluz para o jantar oficial, na quinta-feira ao fim do dia. No cabelo uma das tendências do ano, o penteado 'messy' (atabalhoado). Os sapatos eram Magrit.

Na sexta-feira, o vermelho foi a cor do dia intercalado com o negro usado à noite. No Mosteiro dos Jerónimos, para a entrega dos prémios Europa Nostra, a princesa usou um casaco preto com brilhantes discretos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG