Os conselhos de Scarlett para ultrapassar maus relacionamentos

Atriz falou sobre antiga relação destrutiva e deixou conselhos para quem passa pelo mesmo

Hoje, Scarlett Johansson é casada e mãe de uma menina. Mas até atingir um estado de equilíbrio, a atriz de 31 anos também teve a sua dose de relacionamentos pouco saudáveis. "Há muito, muito tempo, tive alguém na minha vida que estava eternamente indisponível... mas atrativamente indisponível", começou por confessar à revista Cosmopolitan.

"Temos de chegar a um ponto de rutura. O fundo do poço é o momento em que pensamos 'Perdi-me. Por que é que estou à porta deste bar à uma e meia da manhã, a enviar mensagens, enquanto os meus amigos estão lá dentro? Ou a apanhar um táxi para ir ter com ele a uma hora terrível? Isto não sou eu'. É nesse momento que temos que cortar o mal pela raiz. Caso contrário, vai continuar a acontecer e a sugar o nosso sangue", frisou.

A atriz, que será capa da Cosmopolitan na edição de maio, falou ainda abertamente sobre a desigualdade de rendimentos de homens e mulheres na indústria de Hollywood. "Eu sou uma sortuda. Tenho uma boa vida e estou orgulhosa de ser uma atriz que está a ganhar tanto quanto muitos dos meus pares masculinos... Penso que todas as mulheres já receberam menos do que merecem, mas falar da minha experiência pessoal é um pouco desagradável. Isso faz parte de uma conversa alargada sobre o feminismo em geral", sublinhou.

A atriz está casada com o empresário francês Romain Dauriac, com quem tem uma filha, Rose Dorothy, de um ano.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG