"O cancro não terá coragem de se meter comigo outra vez"

Sofia Ribeiro dá a sua primeira grande entrevista, à edição de dezembro da revista de Cristina Ferreira, desde que lhe foi diagnosticado um cancro da mama, há um ano.

Um ano depois de ter sido diagnosticada com um cancro da mama, Sofia Ribeiro deu a sua primeira grande entrevista à publicação de Cristina Ferreira, protagonizando duas capas diferentes, e falando do percurso da sua batalha contra a doença. A atriz da TVI revela que é uma pessoa nova. "Sinto que a minha vida começou a partir do dia em que soube que estava doente. É estranho, parece que os 31 anos para trás foram um ensaio para esta nova vida", diz.

Sofia Ribeiro reforça os agradecimentos aos amigos e à equipa médica que a acompanhou e revela que descobriu que estava doente quando estava no banho e sentiu "um alto" no peito. "Venho [depois] a saber que o meu cancro era agressivo e de grande dimensão! Mas eu era nova e não queria morrer, pela vontade enorme que tinha, e tenho, de viver", conta, acrescentando que não seguiu "quase nada" das notícias que saíram sobre o seu diagnóstico.

A atriz recorda que decidiu contar que estava a lutar contra um cancro na mama quando soube que o assunto iria ser tema de capa de um jornal no dia seguinte e revela: "Há pessoas que pensam que eu contei porque eventualmente teria algo a ganhar com isso. É desumano pensar assim...", frisa.

Questionada sobre se esta luta está ganha, responde: "Tenho a certeza que sim porque acho que ele, o cancro, não terá coragem de se meter comigo outra vez".

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG