Pouca roupa diz "estou aqui" na festa pós-Óscares

A ex-namorada de CR7, Irina Shayk, e a cantora britânica Rita Ora renderam-se às transparências e cortes arrojados, exibindo o corpo em festa da Vanity Fair.

Muitas transparências e um corte ousado num vestido que deixou muito pouco à imaginação. De regresso à vida de solteira, depois de ter assumido a sua separação de Cristiano Ronaldo, no início do ano, Irina Shayk mostrou-se ousada naquela que é a mais famosa festa pós-Óscares, que reúne a nata de Hollywood e centenas de rostos do mundo do espetáculo e entretenimento.

Com um modelo Atelier Versace de cor preta da coleção primavera-verão 2015, que deixou a descoberto parte da sua silhueta, a manequim russa, de 29 anos, chamou assim a atenção na festa da Vanity Fair. Uma escolha mais arrojada do que a do ano passado, também um Atelier Versace, cujas transparências se centravam apenas na parte superior do vestido.

Também a britânica Rita Ora alinhou pela mesma tendência e surgiu naquele evento com um modelo Donna Karen, descrito pela imprensa norte-americana como "arriscado". A cantora, que atuou durante a cerimónia dos Óscares com a música nomeada Grateful do filme Beyond the lights, mostrou-se confiante na sua escolha ao posar para os fotógrafos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG