Johnny Depp brinca com pedido de desculpas aos australianos

Ator ironizou sobre vídeo em que surgiu com a mulher, Amber Heard, a pedir desculpas aos australianos por os seus animais de estimação terem entrado ilegalmente naquele país

Em conferência de imprensa em Londres, no passado domingo, Johnny Depp aproveitou para brincar com a recente polémica que envolveu a entrada ilegal na Austrália dos seus cães, Pistol e Boo, e o subsequente pedido de desculpas em vídeo que fez, juntamente com a mulher, Amber Heard.

"Vou fazer isto onde quer que vá. Gostava muito de pedir desculpa por não trazer ilegalmente os meus cães para Inglaterra porque seria algo errado de se fazer", disse o ator durante uma conferência de imprensa de promoção do filme Alice Através do Espelho, realizado por Tim Burton.

Depp continuou, fazendo uma referência irónica ao espírito "alegre" dos australianos. Depois, foi Tim Burton que também acabou por entrar na brincadeira. "Esqueci-me de te dizer - eles morreram. Sentei-me em cima deles por acidente, lá em cima". O momento arrancou gargalhadas dos que se encontravam na conferência de imprensa

Recorde-se que, em abril, Johnny Depp e Amber Heard foram alvo de um processo judicial depois de terem falsificado os documentos para fazer entrar ilegalmente os seus animais de estimação na Austrália, país que tem leis de biossegurança muito rigorosas.

Heard acabou por se declarar culpada pela falsificação de documentos e foi obrigada a pagar uma indemnização ao estado australiano. O caso ganhou maior dimensão mediática graças ao vídeo conjunto que Depp e Heard fizeram onde, de semblante carregado, pediram desculpas pelo incidente.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG