Fã chama "prostituta" a Ariana Grande. Ela responde à letra

Depois de ser insultada, cantora sai novamente em defesa do sexo feminino.

Ariana Grande é a prova de que as celebridades estão atentas aos comentários dos fãs nas redes sociais. No passado fim de semana, um fã reagiu ao teledisco da música Dangerous Woman, chamando a artista de "prostituta". "Peço desculpa pela rudeza, apenas disse a verdade", acrescentou ainda.

Mas Ariana não ficou indiferente ao comentário e respondeu-lhe à letra: "Quando é que as pessoas vão parar de se sentir ofendidas por mulheres que mostram a pele/ expressam a sua sexualidade? Os homens tiram as camisolas/ expressam a sua sexualidade em palco, nos vídeos, no Instagram, em todo o lado que queiram... a toda a hora. Estes padrões duplos são tão chatos e desgastantes. Com todo o respeito, acho que está na altura de deixares de ser quadrado. As mulheres também podem amar os seus corpos!".

Esta não é a primeira vez que Grande sai em defesa do sexo feminino: em novembro do ano passado, recusou-se a responder a algumas perguntas que considerou sexistas, durante uma entrevista na rádio; e em junho, num grande ensaio que publicou no Twitter, denunciou a forma como os media definem as mulheres pelos "homens com quem namoram/ estão casadas/ têm sexo/ são vistas".

"Ter poder não é o mesmo que ser uma "cabra". Estou farta de viver num mundo onde as mulheres são descritas como uma propriedade passada, presente ou futura de um homem", escreveu ainda a cantora de 22 anos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG