Depois do marido, David Bowie, Iman perde a mãe

A ex-manequim e empresária confirmou a morte da sua mãe, Maryan Baadi.

Quase três meses depois da morte do marido, o ícone da música David Bowie, Iman volta agora a perder outra pessoa chegada. A ex-manequim de 60 anos confirmou nas redes sociais a morte da mãe, Maryan Baadi, com o recurso a uma fotografia onde também aparece Bowie e o pai da empresária da Somália.

"Entristecida com a morte da minha mãe, Maryan Baadi. Que Alá lhe garanta o mais alto dos paraísos. Peço-vos que respeitam a privacidade da minha família durante o nosso período de luto", escreveu Iman no Facebook e no Instagram.

Em 2015, a ex-manequim deu uma entrevista à publicação Harper's Bazaar, em que explicou que a mãe vendeu todas as joias que tinha para lhe garantir a melhor educação possível e referiu que os pais sempre a encorajaram. "[Eles disseram-me] que eu conseguia ser melhor que os rapazes em tudo. Para uma rapariga muçulmana isso é realmente motivador."

Iman não fez qualquer declaração aquando da morte do marido, David Bowie, a 10 de janeiro, tendo, no entanto, partilhado uma série de fotografias do cantor na rede social Instagram.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG