Atriz de "Stranger Things" é a mais jovem de sempre na lista da Time

Millie Bobby Brown, de 14 anos, está na lista das 100 pessoas mais influentes do ano para a revista norte-americana

A Eleven de Stranger Things é a pessoa mais jovem de sempre a chegar à lista das 100 personalidades mais influentes do ano para a revista Time. A atriz Millie Bobby Brown tem apenas 14 anos mas é já uma voz muito ativa na luta contra o bullying e pela igualdade de género.

A adolescente britânica está na lista que nomeia os mais influentes do mundo na lista dos artistas. Há ainda personalidades nomeadas na categoria de pioneiros, líderes, titãs e ícones. Cada uma das personalidades é apresentada por um texto de uma outra figura reconhecida.

Millie Bobby Brown é descrita na edição da revista, que elege também a personalidade do ano, pelo também ator Aaron Paul. O coprotagonista de Breaking Bad recorda o momento em que conheceu a jovem atriz numa geladaria: "No momento em que começámos a falar, percebi que estávamos no cenário errado.Tinha pensado: 'Oh, ela tem 12 anos, vamos comer um gelado'. Não. Ela pode ter 12 anos na idade, mas o seu espírito e mente eram atemporais. Uma mulher sábia falava com um rosto de querubim".

A atriz começou a carreia aos 12 anos. Conta com mais de 2,2 milhões de seguidores no Twitter e 16 milhões no Instagram.

A lista começa por distinguir os pioneiros. Ou seja, as personalidades que estão a quebrar as regras neste ano. É aqui que entram os jovens Camaron Karsky, Jaclyn Corin, David Hogg, Emma Gonzalez e Alez Wind, como os rostos contra os tiroteios em massa que assolam os EUA. Coube ao ex-presidente Barack Obama escrever sobre o grupo de jovens que viveu o último massacre numa escola: "Desta vez, algo diferente está a acontecer. Desta vez, as nossas crianças estão a chamar-nos à responsabilidade. Os estudantes de Parkland, Florida, não têm lobbistas nem grandes orçamentos para os anúncios de ataque que os seus opositores têm. A maioria nem sequer pode votar. Mas têm o poder, muitas vezes inerente à juventude: ver o mundo como novo, rejeitar os velhos constrangimentos, convenções ultrapassadas e cobardia muitas vezes disfarçada de sabedoria. O poder de insistir que a América pode ser melhor".

Desta vez, as nossas crianças estão a chamar-nos à responsabilidade

Na lista dos pioneiros está ainda nomes como o da comediante e atriz Tiffany Haddish. Além da rapper Cardi B, da ativista queniana contra a mutilação genital feminina Nice Nailantei Leng'ete, do investigador de células estaminais Carl June, da empreendedora e cofundadora do Tinder Whitney Wolf Herd ou do físico quântico chinês Jian-Wei Pan.

Da lista dos artistas, o destaque vai para a atriz Nicole Kidman. A que se juntam os também atores Sterling K. Brown, Millie Bobby Brown e John Krasinski (neste caso pela realização do filme de terror A Quiet Place - Um lugar Silencioso, já em exibição). Também entram aqui o estilista Christian Siriano ou o cantor canadiano de origem portuguesa Shawn Mendes.

Com uma lista extensa de líderes, alguns dos nomes selecionados são os de Donald Trump e Kim-Jong Un, que serão os protagonistas este ano de um encontro histórico. Mas também são distinguidos o casal real do ano: príncipe Harry e Meghan Markle. O príncipe herdeiro da Arábia Saudita, Mohammed Bin Salman, o presidente da câmara de Londres, Sadiq Khan, a democrata Nancy Pelosi, o jogador de futebol americano dos Houston Texas J. J. Watt e o líder da Microsoft Satya Nadella.

A lista segue com a eleição dos ícones. Com maior destaque está Jennifer Lopez, a primeira atriz latina a ganhar um milhão de dólares por um filme. Também é reconhecido o mérito da atriz e cantora transgénero chilena Daniela Vega, da cantora Rihanna, elogiada por Adele como fazendo as suas próprias regras. A antiga primeira-dama indonésia Sinta Nuriyah é distinguida pela sua luta pela tolerância religiosa. E Kevin Kwan entra para a lista pelo seu trabalho como escritor de novelas satíricas.

A lista termina com a eleição dos titãs. Roger Federer, a sua carreira no ténis e os seus 20 títulos em Grand Slams estão na lista deste ano. Acompanhado pela apresentadora e ativista Oprah Winfrey, pelo proprietário da Tesla e da SpaceX, Elon Musk, o médico norte-americano especialista em transplantes Guiliano Testa e a arquiteta e designer Elizabeth Diller.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG