Adele presta homenagem às vítimas do ataque terrorista

A intérprete do tema "Hello" mostrou-se solidária perante as vítimas do atentado terrorista ocorrido em Londres, a sua cidade natal

A cantora britânica fez uma pausa durante o seu concerto em Auckland, na Nova Zelândia, para manifestar o seu desalento face ao atentado terrorista que ocorreu na capital do Reino Unido, na quarta-feira.

"Hoje houve um ataque terrorista na minha cidade de Londres. Estou literalmente no outro lado do mundo e quero que vejam a nossa luz e que nos ouçam", disse a artista de 28 anos perante uma plateia composta por mais de 45 mil pessoas presentes no Mount Smart Stadium.

A cantora não quis faltar aos seus compromissos profissionais, mas lamenta não estar junto dos seus familiares e amigos. "Sinto-me muito longe e é muito estranho não estar em casa", disse. "Tudo o que eu quero fazer hoje é estar em casa e estar com os meus amigos e família. Todas as pessoas que eu conheço estão bem, mas há quatro pessoas que não o estão [referindo-se às vítimas mortais]. Vamos dedicar esta noite a estas pessoas e à minha cidade natal, que é a minha alma gémea", acrescentou.

Após o seu discurso, Adele interpretou o tema Make You Feel My Love, música extraída do seu primeiro álbum, 19, e composta originalmente por Bob Dylan.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG