Dançou jazz e brilhou ao falar sobre política. Eis a nova Miss América

A vencedora da última edição foi a Miss Arkansas. A jovem dançou jazz e brilhou ao falar sobre política

Savvy Shields foi eleita este domingo a Miss América 2017. A jovem de 21 anos ganhou o concurso ao conseguir impressionar o júri com a sua dança na prova de talentos e o modo como respondeu a uma pergunta controversa sobre as eleições presidenciais e a candidata Hillary Clinton.

A estudante da Universidade de Arkansas, que representava este mesmo estado, era uma das sete candidatas finalistas e teve 20 segundos para dizer qual era a sua opinião sobre a candidata democrata.

"Se estás a tentar ser líder do mundo livre, tudo o que dizes e fazes importa", respondeu Savvy, segundo a Reuters, acrescentando que "ambos os candidatos estão a fazer um ótimo trabalho".

Na prova de talentos, Savvy dançou jazz ao ritmo da música "They Keep Moving the Line", da série de televisão "Smash". A performance foi muito elogiada e aplaudida pelo público.

O momento em que é anunciado quem seria a próxima Miss América foi vivido com muita emoção por Savvy, que, vestida de preto, agarrava com força a mão de uma outra candidata. A Miss Arkansas desfilou depois na passadeira de Boardwalk Hall, em Atlantic City, onde decorria o concurso.

Pouco tempo após ganhar, Savvy deixou uma mensagem aos fãs e às pessoas que lhe tinham apoiado nas redes sociais.

Nesta competição, os juízes avaliam as concorrentes baseando-se numa prova de talentos, uma pergunta respondida durante o espetáculo, uma entrevista com os júris e pela forma como se apresentam nas provas de fato de banho e de roupa formal.

Savvy Shields recebeu um pagamento na ordem dos seis dígitos, e ganhou uma bolsa de estudo de 50 mil dólares e despesas pagas por um ano.

O júri da edição 2017 do Miss América incluiu a cantora Ciara.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG