Atriz faz história, mas não consegue receber prémios

Julia Louis-Dreyfus está em tratamento a um cancro da mama e não recebeu os galardões na cerimónia

Julia Louis-Dreyfus, a atriz que ficou conhecida pelo seu papel como Elaine Benes na série "Seinfield", não compareceu à cerimónia de domingo de entrega dos Screen Actors Guild Awards, apesar de nesse dia se ter tornado a atriz mais galardoada de sempre da história dos Prémios SAG.

A sua falta deve-se ao tratamento para o cancro da mama que está a receber, mas a atriz irá receber duas estatuetas: uma por fazer parte do elenco da série vencedora na categoria de Melhor Comédia, a série "Veep", e outra por se ter sagrado vencedora na categoria de Melhor Atriz de Comédia, pelo papel na mesma série. A atriz já tinha ganho cinco Prémios SAG pelo trabalho em "Seinfeld" e dois pela série "Veep", tornando-se assim a detentora de nove galardões.

Apesar de não ter estado fisicamente em Los Angeles, cidade onde decorreu a entrega de prémios, Julia Louis-Dreyfus não deixou de acompanhar a cerimónia e foi partilhando comentários na rede social Twitter, onde agradeceu as distinções.

""Gostaria de ter aí estado @SAGawards esta noite mas tenho de admitir que é muito divertido assistir de pijama. Tão honrada por ter vencido. Tão orgulhosa por ser um membro do Sindicato. Tão feliz pelos meus colegas de @VeepHBO terem ganho este prémio. Sinto falta de estar à mesa com vocês. Como estava o frango?", tweetou a atriz.


No domingo, foram dois dos atores e colegas de elenco, Connie Britton e Mandy Moore, que aceitaram o Prémio SAG em seu nome. "Julia, estamos a pensar em ti e amamos-te", disse Britton.

Julia Louis-Dreyfus anunciou que tinha cancro da mama em setembro de 2017 e desde então tem informado os fãs sobre o progresso nos tratamentos. A atriz conclui recentemente os ciclos de quimioterapia e a produção da última temporada de "Veep" e aguarda o seu regresso para retomar as gravações.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG