Mau tempo faz dois mortos

Uma árvore de grandes dimensões caiu sobre um camião provocando a morte ao condutor no Montijo. Em Castro Daire, uma casa desabou e fez uma vítima mortal.

Duas pessoas morreram esta quinta-feira devido ao mau tempo provocado pela depressão Elsa. Na zona de Taipadas, no Montijo, um pinheiro de grandes dimensões caiu sobre um camião provocando a morte ao condutor e em Castro Daire, distrito de Setúbal, um homem morreu na sequência do desabamento de uma casa em Codeçais.

"Foi localizada a vitima", que se encontrava dentro da habitação, confirmou ao DN o Comando Distrital de Operações de Socorro de Viseu. No local estão 19 operacionais, apoiados por oito viaturas.

O distrito de Viseu está sob aviso vermelho esta quinta-feira devido a precipitação e fortes rajadas de vento.

No Montijo, distrito de Setúbal, a queda de uma árvore matou o condutor de um veículo pesado, revelou a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), que já contabilizou 2941 ocorrências devido ao mau tempo.

"Temos o registo de vítima mortal em Canha, concelho do Montijo, devido à queda de uma árvore sobre um veículo pesado de mercadorias, às 15:55 de hoje", disse à Lusa o comandante Rui Laranjeira, da ANEPC.

O veículo pesado circulava na Estada Nacional 10, na zona das Taipadas, no sentido Pegões-Infantado, quando um pinheiro de grandes dimensões caiu sobre a cabine do camião, conta ao DN Urbano Emídio, comandante dos bombeiros voluntários de Canha. "À nossa chegada, o condutor estava em paragem cardiorrespiratória", afirma. Após manobras de reanimação, o óbito foi declarado no local pelo médico da VMER (Viatura Médica de Emergência e reanimação) do Hospital de Setúbal.

Após o embate da árvore, o camião ainda seguiu uns 400/500 metros" na faixa de rodagem, refere o comandante dos bombeiros. Às 18:20, a estrada estava cortada nos dois sentidos.

Segundo o Comando-Geral da GNR, a vítima tem 50 anos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG