Incêndio num camião cortou trânsito na Ponte Vasco da Gama

O alerta foi dado por volta do meio-dia e envolve um veículo pesado que se terá despistado. Trânsito foi totalmente reaberto seis horas após o incidente.

Um camião despistou-se e incendiou-se em seguida em pleno tabuleiro da Ponte Vasco da Gama, que liga as duas margens do rio Tejo entre o Montijo e Lisboa, junto ao separador central no sentido norte-sul.

O trânsito esteve, por isso, cortado nos dois sentidos.

A Ponte Vasco da Gama foi totalmente reaberta ao trânsito, por volta das 18:15, cerca de seis horas depois do incidente.

A Ponte Vasco da Gama esteve condicionada ao trânsito desde as 11:58 de hoje.

Uma colisão entre um pesado de mercadorias e um ligeiro esteve na origem do incêndio no contentor, sem carga, do camião, o que levou ao corte de trânsito nos dois sentidos da Ponte Vasco da Gama ao final da manhã, segundo fonte da GNR.

De acordo com a fonte da GNR, a colisão entre o pesado e o ligeiro levou à queda do contentor na via, que se incendiou posteriormente.

Segundo a mesma fonte, o contentor seguia sem carga e do acidente não resultaram feridos.

Fonte da Lusoponte disse à Lusa, pouco antes das 13:00, que o incêndio se encontrava extinto, e que estavam a ser feitos "os possíveis para a abertura de uma via de circulação em cada sentido".

Inicialmente, a Lusoponte, entidade que gere a Ponte Vasco da Gama, avançou que o trânsito estava cortado devido ao despiste de um camião, seguido de incêndio, junto ao quilómetro 4.

O incêndio, de acordo com a mesma fonte, foi combatido por bombeiros de Sacavém e de Alcochete.

Segundo uma fonte da GNR, o pesado de mercadorias "encontrava-se a arder junto ao separador central" no sentido norte-sul, tendo sido dado o alerta pelas 11:58.

Artigo atualizado às 19.26 horas

Ler mais

Exclusivos