Hospital de Coimbra recebeu dois feridos graves com politraumatismos

O Hospital Pediátrico "recebeu uma criança do sexo feminino, com ferimentos ligeiros, que será tratada e terá alta", e espera a chegada de um rapaz "também com ferimentos ligeiros".

O Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC) recebeu dois feridos graves do acidente de hoje com um Alfa Pendular, ambos politraumatizados, um dos quais estava pelas 19:15 no bloco operatório, disse fonte da unidade de saúde.

Para além destes dois feridos graves, que deram entrada nos Hospitais da Universidade de Coimbra, o Hospital Pediátrico "recebeu uma criança do sexo feminino, com ferimentos ligeiros, que será tratada e terá alta", e espera a chegada de um rapaz "também com ferimentos ligeiros", afirmou à Lusa fonte do gabinete de comunicação do CHUC.

A mesma fonte adiantou que a unidade hospitalar espera ainda a chegada de mais feridos, "todos ligeiros", em número ainda não contabilizado.

O mais recente balanço do acidente com o comboio Alfa Pendular dá conta de duas vítimas mortais e 43 feridos, sete dos quais em estado grave, disse fonte do Comando Distrital de Operações (CDOS) de Coimbra.

Em informação prestada à agência Lusa às 20:10, o CDOS sinalizou a existência de 169 vítimas ilesas, além de dois mortos (os únicos ocupantes de uma máquina de trabalhos ferroviários da Infraestruturas de Portugal) e 43 feridos, sete dos quais graves, num total de 214 pessoas envolvidas no acidente ferroviário.

Já numa atualização de dados comunicada à Lusa às 21:00, o Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC) indicou ter recebido 28 feridos, dois dos quais graves e outros dois muito graves.

Um dos casos mais graves (politraumatismo), que foi levado para o bloco operatório de emergência, é o maquinista do Alfa Pendular.

Dos 24 restantes feridos referidos pelo CHUC, todos ligeiros, 21 deram entrada nos Hospitais da Universidade de Coimbra (HUC, onde também estão os quatro feridos graves) e os três restantes - uma menina de 06 anos, e uma rapariga e um rapaz de 16 anos - foram assistidos no Hospital Pediátrico.

Por seu turno, o gabinete de relações públicas do Hospital Distrital da Figueira da Foz (HDFF), em informação disponibilizada às 20:01, afirmou ter recebido seis feridos ligeiros, "todos adultos, conscientes e em observação".

Entre os seis feridos que deram entrada no HDFF conta-se um casal (um homem de 71 anos e uma mulher de 68) e um outro homem de 36 anos.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG