Fidelidade promove iniciativa solidária para combater o isolamento social no Natal

Movimento "Voz Solidária: neste Natal, ligue a quem mais precisa" consiste em voluntários telefonarem a quem mais precisa, nomeadamente pessoas da terceira idade em isolamento social

A Fidelidade e a Cooperativa António Sérgio para a Economia Social (CASES) lançaram o movimento "Voz Solidária: neste Natal, ligue a quem mais precisa", uma iniciativa solidária que consiste em voluntários telefonarem a quem mais precisa, nomeadamente pessoas da terceira idade em isolamento social.

"No seguimento do compromisso da companhia 'Para que a vida não pare', a Fidelidade, neste Natal, desenvolveu também um conceito de combate à solidão para os seus colaboradores pelo que é com um enorme gosto que nos associamos ao projeto Voz Solidária com a CASES", explicou Joana Queiroz Ribeiro, diretora de Pessoas da Fidelidade, citada por um comunicado enviado à nossa redação.

"Os desafios da longevidade da população, da prevenção na saúde e da inclusão social da população idosa são eixos estratégicos para a atuação da Fidelidade, que procura, através de programas como o movimento Voz Solidária ter um papel ativo na comunidade e junto da população que mais necessita", reforça a responsável.

"Este ano, o Natal vai ser diferente. Por isso, quisemos apelar o espírito solidário dos portugueses e criar esta campanha. São pequenos gestos como este que podem fazer a diferença", afirma, por sua vez, a vice-presidente da CASES, Carla Ventura.

Através do portal vozsolidaria.pt, qualquer pessoa pode, a partir desta quinta-feira, registar-se ou registar alguém para receber uma chamada de um voluntário nos dias 24 e 25 de dezembro. Quem quiser ser voluntário, deve ligar para o número 962 171 780.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG