Agrediu, despiu e fotografou a companheira em Sintra. Ficou em preventiva

Um homem, de 27 anos, está em prisão preventiva, por suspeita de ter agredido a companheira, de a ter despido contra a sua vontade, de a ter fotografado e ameaçado pôr as fotografias na internet.

Em comunicado, o Comando Metropolitano de Lisboa (Cometlis) da PSP adiantou que os factos ocorreram no domingo na zona do Cacém, no concelho de Sintra.

Segundo a nota, o alerta foi dado por um cidadão que estava junto ao prédio "onde decorriam os factos".

Quando chegaram, os agentes da PSP encontraram-na "fragilizada", a chorar "compulsivamente" e "enrolada numa toalha".

"Na sequência de um pedido de auxílio, efetuado por um cidadão que se encontrava na via pública, junto ao prédio onde decorriam os factos, a PSP fez deslocar de imediato meios policiais. Os polícias verificaram a vítima, tendo esta informado que o companheiro a havia agredido com bofetadas, socos e pontapés, despiu-a contra a sua vontade e tirou-lhe fotografias, ameaçando-a que as iria publicar nas redes sociais", descreve a PSP.

Entretanto, o suspeito, um homem de 27 anos, foi detido pela PSP e presente ao Tribunal Judicial da Comarca de Lisboa Oeste, Núcleo de Sintra, para primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido decretada a medida de coação de prisão preventiva.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG