Vídeo de jovem que estava no concerto mostra momento da explosão

Explosão na Arena de Manchester no final de um concerto de Ariana Grande pode ter sido provocada por um bombista suicida.

Pelo menos duas explosões fizeram-se sentir na Manchester Arena, em Inglaterra, onde a cantora norte-americana Ariana Grande estava a dar um concerto. A polícia informou ao início da manhã desta terça-feira que o número de mortos subiu para 22. Entre as vítimas há crianças.

O incidente terá ocorrido perto das 22.30 locais (mesma hora em Portugal), logo depois de milhares de pessoas que assistiam ao concerto terem referido ter ouvido um "estrondo muito grande". Já posteriormente a polícia de Manchester disse que este acontecimento está agora a ser tratado como um "incidente terrorista".

Uma jovem presente no concerto partilhou no Twitter um vídeo onde se ouve o momento da explosão.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG