Um morto e 47 feridos em explosão em posto militar na Turquia

O ataque ainda não foi reivindicado, mas as autoridades atribuem-no ao curdo PKK

Um carro-armadilhado explodiu num posto militar no sudeste da Turquia, região de maioria curda, matando um soldado e ferindo quase 50 pessoas, informou hoje fonte militar.

As autoridades turcas atribuíram o ataque, ocorrido na noite de segunda-feira, que teve como alvo um posto militar no distrito Hani, na província de Diyarbakir, aos rebeldes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK).

Segundo a mesma fonte, citada pela agência AFP, entre os 47 feridos figuram oito civis.

As forças de segurança lançaram uma operação de busca na sequência do atentado bombista.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG