Trump escolhe empresário do Oregon para embaixador em Portugal

George Edward Glass tem 56 anos e foi o fundador e presidente do banco de investimento Pacific Crest Securities em Portland entre 1990 e 2014.

Em declarações à FOX 12 Oregon, George Edward Glass afirmou-se "honrado" com a nomeação como embaixador em Portugal. O empresário do Oregon devera substituir Robert Sherman, que saiu em janeiro, após a eleição de Donald Trump como presidente, sendo a função exercida desde então pela encarregada de negócios, Herro Mustafa.

Aos 56 anos, Glass tem ainda de ser confirmado pelo Senado. Apresentando-se no Twitter, a rede social favorita do presidente Trump, como "pai, marido, orgulhoso de ser ambos", o empresário de Lake Oswego é o dono da MGG Development LLC, tendo antes fundado e presidido, entre 1990 e 2014, o banco de investimento Pacific Crest Securities.

Presente no conselho de administração de várias universidades, Glass doou cerca de 30 mil euros para a campanha de Trump em 2016.

Glass deve chegar a Portugal nos próximos meses. Casado há mais de três décadas com Mary, o novo embaixador parece ser, pelo menos a acreditar pelo que partilha no Twitter um caçador apaixonado, um adepto dos Portland Tigers, em futebol americano, e já terá visitado Portugal, tendo passado pelo santuário de Fátima e por Lisboa.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG