Trump compara Irlanda pós-Brexit ao muro entre EUA e México

"O Brexit e o vosso muro vão correr bem", diz presidente dos Estados Unidos aos irlandeses.

Chegado à República da Irlanda após uma visita de Estado de três dias ao Reino Unido, Donald Trump desvalorizou o efeito do Brexit na ilha e comparou a situação com os EUA e o México. "Provavelmente vão perguntar-me sobre o Brexit porque acabei de estar com algumas pessoas muito boas que estão muito envolvidas com o Brexit, como sabem, e penso que tudo correrá muito bem", disse o presidente dos Estados Unidos.

"E também com o muro, com a fronteira. Nós temos uma situação na fronteira nos Estados Unidos e você tem uma aqui, mas ouvi dizer que vai funcionar muito bem", disse Trump ao lado do primeiro-ministro irlandês, Leo Varadkar, em conferência de imprensa conjunta.

Varadkar sublinhou que o governo irlandês queria evitar a todo o custo "uma fronteira ou um muro" entre a República da Irlanda e a Irlanda do Norte, ao que Trump respondeu: "Penso que sim, penso que sim. A forma como funciona agora é boa, vocês querem tentar manter as coisas assim, Sei que é um grande motivo de discórdia em relação ao Brexit. Tenho a certeza de que vai funcionar muito bem. Sei que estão muito concentrados nisso."

Já sem a companhia do presidente norte-americano, o taoiseach (chefe do governo) foi questionado pelos jornalistas se Trump percebia o que está em jogo na Irlanda. "Ele é o presidente dos EUA e há quase 200 países no mundo, por isso não creio que seja possível para ele ter uma compreensão aprofundada das questões em cada um dos países, razão pela qual este diálogo é importante", disse Varadkar.

"Ele é a favor do Brexit, como sabem, e nós não, mas compreende que uma questão essencial é a fronteira entre o norte e o sul e partilha o nosso objectivo de manter a fronteira aberta como está agora, respeitando o Acordo de Sexta-feira Santa", concluiu.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG