Trump chama "hipócritas" a republicanos que deixaram de o apoiar

No meio da polémica sobre os comentários machistas que fez, o candidato à Casa Branca ataca o próprio partido

"Enorme apoio (exceto de alguma "liderança" republicana). Obrigado", escreveu Donald Trump numa das mensagens publicadas nas redes sociais e dirigida aos seus apoiantes. Noutra, foi ainda mais longe nas críticas: "Tantos hipócritas. Vejam os números deles nas sondagens - e nas eleições - a descer."

A nova polémica em torno de Trump surgiu por causa de um vídeo gravado em 2005 e divulgado na sexta-feira pelo jornal The Washington Post, no qual o empresário fala sobre as mulheres em termos considerados vulgares e machistas.

Pelo menos dois governadores, 10 senadores e 11 congressistas retiraram o seu apoio a Trump por causa do vídeo, aconselhando-o a desistir da corrida. No vídeo, o milionário que na altura era uma estrela de um reality show e estava casado há poucos meses com a sua terceira mulher, Melania, fala de como tentou seduzir uma mulher casada.

Trump, de 70 anos, enfrenta a maior crise na campanha que já dura há 16 meses. O grande desafio será o debate desde noite (às 2.00 em Lisboa), na CNN, com a estação de televisão a revelar que a primeira questão ao candidato será sobre este tema.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG