Igreja do Texas onde ocorreu massacre vai ser demolida

Morreram 26 pessoas e dezenas ficaram feridas

A igreja de Sutherland Springs, cenário no passado domingo do pior massacre da história do Texas, nos EUA, onde morreram 26 pessoas, vai ser demolida, confirmou esta quinta-feira o pastor Frank Pomeroy.

O pastor indicou que seria "demasiado doloroso" continuar a utilizar o templo Batista como espaço de culto, segundo o diário local San Antonio Express-News.

Devin Kelley, de 26 anos, matou 26 pessoas a tiro e feriu dezenas de outras na "First Baptist Church", em Sutherland Springs, no Texas, enquanto decorria a habitual missa de domingo.

Mais de uma dezena de crianças e uma grávida integram a lista das 26 vítimas mortais.

Frank Pomeroy perdeu a sua filha Anabelle, de 14 anos, na sequência do massacre.

O porta-voz da Comissão Batista do Sul, a maior entidade batista do mundo, Sing Oldham, explicou que o pastor pretende transformar o local onde se encontra a igreja num memorial às vítimas mortais e construir um novo templo noutros terrenos pertencentes à mesma igreja.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG