Reino Unido acusa Irão de tentar bloquear um navio britânico no Golfo

Reino Unido diz que três barcos iranianos tentaram bloquear um navio no Golfo Pérsico. Ministro dos Negócios Estrangeiros do Irão diz que queixas britânicas são inúteis.

Três navios iranianos terão tentado bloquear a passagem de um navio britânico, o British Heritage, no Estreito de Ormuz, mas retiraram-se após avisos de um navio de guerra britânico, acusou esta quinta-feira o governo do Reino Unido.

"O HMS Montrose foi forçado a posicionar-se entre os navios iranianos e o British Heritage e a emitir avisos verbais aos navios iranianos, que então se afastaram", disse em comunicado um representante do governo britânico, que está "preocupado com esta ação" e continua a apelar às autoridades iranianas para refrearem os seus atos.

Este incidente surgiu cerca de uma semana depois de o navio iraniano "Grace I" ter sido arrestado ao largo do território britânico de Gibraltar, no extremo Sul de Espanha, numa operação que o Irão classificou como "pirataria" em alto mar. O governo de Gibraltar suspeita que a carga se destinava à Síria, em violação das sanções da União Europeia contra aquele país.

Entretanto, o ministro dos Negócios Estrangeiros do Irão, Mohammad Javad Zarif, disse que a acusação britânica "é inútil". "Aparentemente, o tanque britânico passou. O que eles mesmos disseram e as acusações feitas são com o intuito de criar tensão. Essas acusações não têm valor", disse Zarif, citado pela agência de notícias Fars.

A tensão nesta área, por onde é transportado quase um terço do petróleo bruto mundial, atingiu o pico nas últimas semanas, com os Estados Unidos a acusarem o Irão de vários ataques contra petroleiros, com Teerão a abater um drone norte-americano.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG