Príncipes William e Harry afastados? Correspondentes da Casa Real dizem que sim

Herdeiros do trono britânico vão viver mais afastados e já terão dividido a equipa com que ambos trabalham. "Culpa" será das duquesas Kate e Meghan.

As tensões entre os príncipes britânicos William e Harry, anunciadas pelos órgãos de comunicação social do Reino Unido, parecem confirmar-se: os irmãos vão deixar de viver na mesma propriedade, em Kensington, e deixar de trabalhar com a mesma equipa, que será dividida ainda antes do nascimento do primeiro filho de Harry com Meghan Markle, e que está previsto para abril ou maio, afirma o El País citando correspondentes da Casa Real britânica.

William, o segundo na linha de sucessão ao trono, tem assumido cada vez mais tarefas ligadas à Coroa, também devido à idade avançada da avó, a rainha Isabel II. Pelo contrário, Harry não tem essa pressão e quer fazer "o seu próprio caminho", disse uma fonte do palácio ao Sunday Times. "Os príncipes cuidaram-se e apoiaram-se um ao outro desde a morte da sua mãe, mas agora têm as suas próprias famílias e já não se apoiam tanto como antes."

Apesar de ter sido anunciado anteriormente que os duques de Sussex iriam viver num apartamento ao lado dos duques de Cambridge - e as obras com um custo de 1,5 milhões de euros estarem quase concluídas -, afinal irão viver em Windsor, a uma hora de Londres, na propriedade de Frogmore House.

O afastamento dos irmãos tem sido atribuído às mulheres, as duquesas Kate e Meghan, e à relação complexa entre as duas. A jornalista Camilla Tominey, do The Telegraph, que segue a família real britânica, assume que as diferenças de personalidade têm vindo a gerar conflitos. "Afinal, o que teria em comum uma senhora britânica e caseira, mãe de três crianças, com uma atriz dos Estados Unidos que se sente melhor na passadeira vermelha do que em mansões reais solitárias?"

Segundo a imprensa, os desentendimentos entre Kate e Meghan começaram durante as provas de vestidos para o casamento real de Harry, que a duquesa de Cambridge terá abandonado a chorar. No entanto, na missa de Natal do ano passado, as duquesas caminharam juntas até à Igreja de Santa Madalena e mostraram cumplicidade perante as objetivas dos fotógrafos.

Porém, Kate é descrita como uma mulher conservadora e que se adaptou facilmente às regras reais, enquanto as exigências de Meghan parecem ter surpreendido os colaboradores do palácio. "Mais do que uma lufada de ar fresco, a Meghan converteu-se num vendaval", confessou um dos trabalhadores ao Daily Mail. Nesta semana, decidiu viajar sozinha para Nova Iorque, para celebrar a gravidez com os amigos de longa data.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG