Presumível sucessor de "El Chapo" detido na Cidade do México

Dámaso López Núñez, conhecido como o Advogado, é o presumível líder do cartel de Sinaloa e "mão direita" de El Chapo

Forças de segurança mexicanas, coordenadas pela Secretaria de Defesa e pela Procuradoria-Geral, detiveram hoje na Cidade do México o presumível líder do cartel de Sinaloa e sucessor de Joaquim "el Chapo" Guzman, Dámaso López Núñez, informaram as autoridades.

Dámaso López Núñez, conhecido como o Advogado, foi detido no bairro Anzures, uma das zonas abastadas da capital mexicana.

O Advogado é considerado o sucessor de Joaquín Guzmán no cartel de Sinaloa, depois de este ter sido capturado em janeiro de 2016 em Los Mochis (estado de Sinaloa, noroeste).

Seria a "mão direita" de "el Chapo" e após a sua detenção e extradição para os Estados Unidos posicionou-se como a pessoa com mais possibilidades de o substituir, tendo entrado em disputa com os filhos de Guzmán e com Ismael "el Mayo" Zambada, que partilhava a liderança do cartel de Sinaloa com Guzmán.

Desde o início do ano já morreram cerca de 500 pessoas devido à luta entre Dámaso López Núñez e os filhos de Guzmán.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG