Polónia receia pedido de restituição por judeus e cancela visita de Israel

O governo polaco anunciou o cancelamento da visita de uma delegação israelita alegando que Israel introduziu alterações na agenda que sugeriam o debate sobre a restituição de propriedades judias na Polónia.

A deslocação da delegação de Israel estava inicialmente agendada para hoje, mas o Ministério dos Negócios Estrangeiros polaco anunciou o cancelamento no domingo à noite.

As questões relacionadas com as propriedades e bens roubados aos judeus na Polónia transformaram-se num tema político no país, no quadro da campanha para as eleições europeias deste mês e das legislativas que devem realizar-se no último trimestre do ano.

Mas de três milhões de judeus que viviam na Polónia foram assassinados pela Alemanha nazi durante a ocupação do país na Segunda Guerra Mundial (1939-1945).

As propriedades e bens dos judeus foram confiscados pelos nazis e depois de 1945 pelo regime comunista pelo que as organizações judaicas têm tentado iniciar um processo de restituição de propriedades.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG