Pescador morto por baleia que acabava de salvar

Homem dedicava-se a salvar baleias há 15 anos

Um pescador canadiano que salvou dezenas de baleias em extinção foi morto esta segunda-feira por um animal que acabava de ajudar. Joe Howlett foi atingido por uma baleia franca do atlântico norte, logo após libertar o mamífero de redes de pesca.

"Eles conseguiram libertar a baleia completamente e depois algo estranho aconteceu e a baleia virou-se completamente", explicou Mackie Green, da equipa de resgate de baleias da ilha Campobello, em New Brunswick.

Howlett salvou cerca de 20 baleias nos últimos 15 anos. "É algo que ele adorava e não há sensação melhor do que libertar uma baleia presa e sei o quão bem ele se estava a sentir depois de libertar aquela baleia", disse Green. "O Joe não iria querer que parássemos por causa disto", continuou, citada pelo The Guardian.

O pescador foi homenageado pelo departamento de pesca canadiano, que o descreveu como um "membro insubstituível da comunidade de resgate de baleias".

O salvamento de baleias tem-se tornado cada vez mais importante no Canadá, já que só no mês passado foram encontradas sete baleias francas do atlântico norte mortas no Golfo de São Lourenço. Há cerca de 525 exemplares desta espécie no mundo e estima-se que mais de 1% da população mundial destas baleias tenha morrido nas últimas semanas.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG