Jeff Bezos não é o único. Outros badalados divórcios milionários

Madonna e Harrison Ford, Rupert Murdoch e Michael Jordan. Houve quem se tivesse arrependido em minutos e quem se casasse de novo 17 dias após a separação. Dos milhões é que não houve quem abdicasse.

Jeff Bezos, fundador e CEO da Amazon, anunciou esta quarta-feira que se iria divorciar da mulher, MacKenzie Bezos. O homem mais rico do mundo poderá acabar na lista dos que mais pagaram para acabar um casamento. Bezos, de 55 anos, tem uma fortuna avaliada em 135 mil milhões de dólares (mais de 117 mil milhões de euros) e poderá ter de dar metade a MacKenzie, de 48 anos. Entra para uma lista onde estão nomes como Mel Gibson, Madonna, Tiger Woods ou Harrison Ford.

Mel Gibson e Robyn Moore

O casal separou-se em 2006 e o divórcio custou ao ator e realizador 426 milhões de dólares. O acordo representou metade da fortura que Gibson tinha na altura em que decidiu terminar o casamento.

Bernie Ecclestone e Slavica Radić

Foi em 2009 que o executivo da Fórmula 1 e a manequim saltaram para a lista dos divórcios mais caros de sempre: 1,2 mil milhões de dólares foi quanto valeu esta separação. No entanto, e apesar dos termos do acordo não terem ficado muito claros, parece que ao contrário do que é habitual foi a manequim a ter de desembolsar a quantia, assim conta a Business Insider.

Rupert Murdoch e Anna Torv

O magnata dos media foi obrigado a pagar 1,7 mil milhões de dólares, em 1999, à jornalista Anna Torv com quem esteve casado 31 anos. O casal teve três filhos. Depois, Murdoch ainda casou com Wendi Deng - apenas 17 dias após a assinatura do divórcio - e Torv esperou seis meses para fazer o mesmo: voltou a casar-se.

Madonna e Guy Ritchie

Um valor entre os 76 e os 92 milhões, terá sido este o valor acordado entre Madonna e o realizador. Foi um dos divórcios mais caros de sempre. O casal esteve junto oito anos.

Harrison Ford e Melissa Mathison

O valor não é certo, mas sabe-se que ficou entre os 85 e os 118 milhões. Ford divorciou-se da escritora Melissa Mathison depois de 17 anos de união. O casal conhecera-se durante as filmagens de "Apocalypse Now", em 1979. Como não tinham celebrado um acordo pré-nupcial demoraram três anos até chegarem a um consenso no valor.

Tiger Woods e Elin Nordegren

Foi um dos divórcios mais mediáticos e custou ao tenista 110 milhões de dólares. O casal separou-se em 2009 depois de seis anos de casamento.

Michael e Juanita Jordan

O jogador estava na sua segunda temporada nos Chicago Bulls quando casou com a namorada. Foi em 1989 e o casamento foi uma cerimónia simples em Las Vegas.

Depois de 17 anos e três filhos em conjunto, chegou ao fim o casamento e Juanita recebeu 168 milhões de dólares. Apesar de ter anunciado a separação, o casal decidiu tentar de novo em 2002, mas quatro anos depois percebeu que o afastamento era a melhor opção. De acordo com a imprensa, o ex-casal assinou o divórcio e foi assistir a um jogo de basquetebol do filho. Terão ficado amigos.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG